No Brasil, as mulheres são cuidadoras invisíveis

No Brasil, as mulheres são cuidadoras invisíveis... 'Você não faz nada além de cumprir suas obrigações de mulher', é a frase que escutam.

Os livros salvaram a minha vida

Os livros salvaram a minha vida: Como tantas crianças traumatizadas pela violência familiar, livros foram meu único refúgio.

Quem cuida de quem cuida?

Quem cuida de quem cuida? A invisibilidade da violência física, verbal e psicológica dentro das nossas casas e famílias.

Violência doméstica não é desinteligência entre casal. É crime!

Violência doméstica não é desinteligência entre casal. É crime! É preciso coragem para denunciar o agressor que mora nas nossas casas.

O que é ‘dar certo’ no amor?

O que é dar certo no amor? Mulheres querem mais respeito, reciprocidade e reconhecimento; homens querem mais carinho, cuidado e compreensão.

Não tenho marido, mas sou feliz

Não tenho marido, mas sou feliz... tudo sobre o 'Divórcio grisalho': Por que casais de mais idade estão se separando?

Como transformar o medo em coragem

Como transformar o medo em coragem: aprendi, com Maya Angelou, que a coragem é a mais importante de todas as virtudes.

As mazelas da ‘geração sanduíche’

As mazelas da geração sanduíche: Mulheres 'ensanduichadas' cuidam dos pais idosos, cônjuges, filhos, netos, mas não de si mesmas.

Que o amor seja eterno enquanto dure a conversa

Que o amor seja eterno enquanto dure a conversa: Por que casais de mais idade se sentem satisfeitos e felizes após décadas de união.

O home office é a morte do tesão

O home office é a morte do tesão: como a convivência conflituosa provocou o aumento de divórcios na pandemia.